sexta-feira, 4 de março de 2011

ESCOLHA SORRIR

Bom dia aos meus quase "1 milhão de amigos"!!!

      Hoje quero compartilhar um importante segredo do meu viver. Revelar um tesouro precioso. Aliás mais de um tesouro! Quero que conheçam mais da minha vida, uma das razões  da minha alegria e felicidade!!!
         Que todos tenham um maravilhoso dia!


ESCOLHA SORRIR
          Sorrir é o melhor remédio para todas as doenças e para todos os males da alma.  Sorrir contagia, alegra, muda o ambiente.  A ciência já comprovou que “rir” é uma excelente terapia. Inclusive existem crianças que melhoraram muito seu estado em doenças crônicas simplesmente criando-se brincadeiras que as fizessem sorrir.
         O contrário também é verdade. A tristeza pode matar. Ela  começa definhando a alma, vai afetando o corpo até fazê-lo ficar doente e por fim morrer. A depressão age exatamente assim: começa como um estado de ânimo e que com o passar do tempo vai debilitando e enfraquecendo o corpo. Já viram aquelas pessoas cujo semblante estampa sofrimento? O retrato da dor? Da angústia? Interessante que enquanto o sorriso atrai pessoas, a tristeza isola, afasta, separa.
A pessoa triste não quer ficar junto a outras pessoas, e estas que por sua vez estão bem, da mesma forma acabam por querer afastar-se das deprimidas também.
      Optei por sorrir e nunca me arrependi.
Não importando as situações, o sorriso tornou-se meu companheiro e amigo. Claro que as  vezes ele tenta  fugir, abandonar-me,  mas  vou até ele e   o trago de volta. Já disse antes, no capítulo sobre a beleza que ainda que sem vontade  devemos  sorrir.
        Meu marido comprou uma máquina de cortar cabelo. Destas que tem um pente onde você regula o tamanho do corte. Se coloca no zero, ela corta tudo. No um corta bem baixinho, e assim por diante. Passou um tempo usando. Quando achava que o cabelo estava grande pegava ele mesmo e cortava. Colocava o regulador de tamanho no número três e mãos à obra. Só que esta rotina funcionava assim: Passava a máquina na cabeça, aí tirava o pente , assoprava prá sair os cabelos, colocava novamente, cortava  e assim ia. Corta, tira, sopra, coloca... Corta, tira, sopra, coloca... Acontece que depois de tanto fazer isto, quando estava com a máquina no meio da cabeça, tirou o pente, assoprou, mas esqueceu de colocá-lo de volta. Ao invés de ser: Corta, tira, sopra, coloca, foi: corta, tira, sopra e... Corta!!!! Nossa!!! Imaginem a cara dele quando diante do espelho, vê a máquina passando no meio da cabeça sem o pente, naquela parte que raspa tudo? Eu estava na cozinha. Só ouvi o grito: Ahhhhhh!!! Meus Deuuuusssssssss o que foi que eu fizzzzzzz??? Corrí para o banheiro para ver o que estava acontecendo, e quando vi aquilo: Uma faixa careca no meio da cabeça. Ele de olhos arregalados inconformado e gritando: O que eu faço agoraaaaaaaa?????  Poucas vezes eu ri tanto em minha vida!!! Aí que ele ficou mais desesperado ainda:
       -“Você ainda rí  Matilde ???  Seu marido acaba de ficar careca e você dá risada? “   
         Depois de esbravejar palavras das quais nem me lembro mais, viu que não tinha jeito porque eu não conseguia parar de rir mesmo, e decidiu aderir.  Caiu na risada também! Foi hilário.
        Se você começar a pensar, tenho certeza que se lembrará das pequenas tragédias do dia a dia. Situações que te tiraram do sério e que certamente roubaram a alegria e a paz de muita gente que vivenciou aquilo. Que tal  lembrar  delas com um outro olhar? A ótica do sorriso, da brincadeira, do bom humor! Claro que nunca poderemos mudar o nosso passado, tenha sido ele bom ou ruim. Mas podemos mudar o nosso presente. O nosso futuro! Podemos colocar uma pitada (em alguns casos uma pitada é pouco! Tem gente que precisa colocar uma tonelada!) de humor e alegria em tudo o que fizermos. Fazer caber o sorriso, mesmo na situação mais difícil. Um sorriso pode ser tão forte que pode acabar com toda uma guerra! (em casa já acabou com muitas rsrs) Pode unir  novamente pessoas  antes separadas. Pode apagar o ódio, a amargura... Pode curar o corpo e a alma!
       Se nos últimos momentos de uma vida sem sentido, sem direção. Se na derradeira hora da história de alguém que nunca soube sorrir, descobrisse este sêr a grandeza, o poder e a magnitude de um sorriso, ainda que fosse seu  último ato: Se a revelação deste segredo tão maravilhoso o pudesse fazer  sorrir pelo menos uma vez, ainda que fosse a primeira e também a última. Com certeza todo o sentido não conquistado, todo prazer e alegria não vivida, toda cegueira que a tristeza impôs pelo sofrimento da vida, iriam iluminar aquele semblante como nunca antes, tal qual o sol ilumina a terra, tal qual explosão que faz tremer e brilhar o mundo, faria  com que todos que estivessem assistindo àquele momento, declarar que Deus encontrou-se com aquele homem, pegou na sua mão e o levou para sí!!!              
      Creio no sorriso desta maneira: Cada vez que o liberamos, ou subimos até Deus, ou Ele desce até nós!!! Deus está num lindo sorriso. Um dia de chuva pode ser iluminado pela beleza de um sorriso. O som da felicidade é o som desajeitado de uma bela gargalhada. A mais doce sinfonia da vida é a pureza do sorriso de uma criança.
       Num dos intervalos desta terrível doença decidi mudar o meu foco. Eu disse a Deus:
    - Deus eu não  quero ouvir na minha casa o som da minha dor ou do meu lamento! Eu quero um filho! Uma criança na minha casa! É este o som que quero ouvir. Uma criança brincando, cantando, sorrindo!!!
     Não me pergunte como isto aconteceu, pois reservo isto apenas para o futuro livro, onde contarei tudo em detalhes, mas posso assegurar a vocês que Deus do seu trono ouviu aquela oração sincera! Teve misericórdia de mim. Escolheu a dedo a criança mais linda que havia céus naquele momento, e disse ao seu anjo: Entrega sem demora este bebê a esta mulher! Preciso ajudá-la a voltar a sorrir!                                                                                                                          

À  dez anos luto contra  o câncer esse monstro maldito!
 A sete exatos anos Deus enviou reforço dos céus para ajudar-me nesta luta!  Há sete anos o som que se ouve na minha casa, é o som extravagante da felicidade. A doce melodia das brincadeiras de um garoto que veio dos céus.
Pequeno guerreiro que me ajuda a lutar  simplesmente brincando, sorrindo...Me emocionando!
                                    É este o som que escolhi ouvir!

Não o da dor, do medo, do sofrimento, mas o som poderoso do sorriso mais lindo e mais puro do mundo! A cada momento em que o ouço me sinto forte, firme, renovada para continuar! A cada momento que o vejo, que o ouço, vejo Deus bem perto de mim!!!
         Volte a sorrir! Encontre motivo para sorrir! Se não conseguir encontrá-lo por sentir-se cercada pelo pavor, pela tragédia e pelo medo: Não desista!  Deus está esperando uma oração sincera. 
 Uma declaração de fé, que o faça mover-se do seu trono! Um convite para que ele conduza este momento difícil! Tenho certeza que assim como aconteceu comigo, um anjo rasgará os céus trazendo o seu socorro...  Seu reforço... Seu alívio!!!
        Mude o foco: Escolha sorrir!!!
                                                                   
            Com amor,
                                             Matilde (Tuca)

7 comentários:

Anônimo disse...

Um Sorriso
Um sorriso nao custa nada e produz muito.
Enriquece quem recebe sem empobecer quem dá.
Ninguem e tao rico que nao precise dele e tao pobre que nao possa oferecer.
Um sorriso da repouso ao cansaço,e ao desanimo,renova a coragem e a consolaçao na tristeza.
Ninguem necessita mais de um sorriso,do que aquele que nao sabe sorrir.....
Entao vamos sorrir...

Ana Carla disse...

Emocionante...te desejo que recebas todos os sorrisos de volta!
Love you, nos vemos semana que vem.

AFRICA EM POESIA disse...

Tuca
Adorei passar por aqui.
Espero o livro..
Também eu já pensei escrever um mas...penso sempre que poesia é mais fácil ,
Falar na doença ainda dói... Ficar sem cabelo foi um grande dilema na minha vida
deixo um sorriso e poesia...


ALMA



Ter alma é ter vidas
Ter alma é sentir vida
Sentir Amor
Sentir o bater do coração


E ao sentir...
A vida...
O amor...
E o bater do coração...


Temos a certeza
Que a vida existe
E a alma está viva
Alma que não vê
Mas que sentimos...


E sabemos que realmente
Ao ter alma
Temos mesmo vida
E devemos arriscar
Para sermos felizes...


LILI LARANJO

AFRICA EM POESIA disse...

Tuca
Adorei passar por aqui.
Espero o livro..
Também eu já pensei escrever um mas...penso sempre que poesia é mais fácil ,
Falar na doença ainda dói... Ficar sem cabelo foi um grande dilema na minha vida
deixo um sorriso e poesia...


ALMA



Ter alma é ter vidas
Ter alma é sentir vida
Sentir Amor
Sentir o bater do coração


E ao sentir...
A vida...
O amor...
E o bater do coração...


Temos a certeza
Que a vida existe
E a alma está viva
Alma que não vê
Mas que sentimos...


E sabemos que realmente
Ao ter alma
Temos mesmo vida
E devemos arriscar
Para sermos felizes...


LILI LARANJO

Ana disse...

Oi Tuquinha!!
Tenho estado meio adoentada esta semana...nada de mais...vou ultrapassando.
Deixo um beijinho carinhoso para vc e desejo um óptimo final de semana com muitos sorrisos desse menino lindo.

Kelton disse...

:-)

Eliana disse...

Nao existe uma pessoa que esteja ao seu lado,que fique triste!!!

Postar um comentário

SEUS COMENTÁRIOS SÃO MUITOS IMPORTANTES!!!

Postar um comentário

SEUS COMENTÁRIOS SÃO MUITOS IMPORTANTES!!!